Total de visualizações de página

Translate

Google+ Followers

MASSIFICAÇÃO X CONSCIENTIZAÇÃO


MASSIFICAÇÃO X CONSCIENTIZAÇÃO


Estava eu dirigindo meu carro um dia desses e ouvindo a Voz do Brasil. Por algum motivo, aquele programa obrigatório me lembrou a “Teletela” do livro 1984 (ótima leitura). Para quem nunca ouviu este programa, acredite, você não está perdendo nada. Não passa de uma propaganda político partidária travestida de informativo dos 3 poderes (agora incluíram notícias do TCU). É uma hora do dia onde o país é perfeito, as coisas acontecem da maneira ideal, todo o dinheiro investido chega ao seu fim e todos estão felizes e contentes nos quatro cantos do país.
Eu gosto de escutar às vezes para poder rir um pouco de tanta baboseira, mas na supracitada ocasião algo aguçou minha mente transtornada. Quando parei no semáforo comecei a ouvir algumas notícias e me lembrei da reflexão passada publicada neste blog. Não foi surpresa que o assunto fosse de novo dengue. Neste momento, lembrei-me do livro acima citado. Pensei na massificação propagada pelo “Big Brother” durante o livro como forma de alienar a população fazendo uma verdadeira lavagem cerebral e levando-a a crer que o Grande Irmão faz tudo pelo melhor dela. Como conseguir isso? Repetindo mil vezes a mesma coisa!
Neste momento eu comecei a contar por alto quantas vezes as palavras Aedes Aegypti, Zika e Microencefalia foram ditas. Num percurso de 10 minutos, eu perdi a conta em 35 vezes. Isso dá mais de 3 vezes por minuto! Parece exagero? Escute o programa então. O “âncora” e os repórteres conseguiam incluir estas palavras em qualquer assunto que era noticiado. Qualquer mesmo! Falaram da inclusão dos jovens no ensino médio, conseguiram falar da Zika. Falaram sobre o programa Minha Casa, Minha Vida, falaram do Aedes Aegypti. Microencefalia era alternado entre essas palavras.
Daí eu me lembrei da reflexão aqui postada. Qual o limiar entre a conscientização e a massificação? Qual a verdadeira intenção em se falar tanto disto? Sim, conscientizar as pessoas quanto a importância das medidas para evitar a proliferação do mosquito é importante, mas o que se ganha falando mil e uma vezes as mesmas palavras?
Foi neste momento que me lembrei não só do livro citado, mas também de outra grande obra chamada Admirável Mundo Novo (outra boa dica de leitura). Em ambas as obras o medo é o principal veículo de dominação. E como se consegue este medo? Fazendo acreditar que estamos à beira do colapso mundial ou lutando contra um “inimigo” poderoso. E alguém tem dúvidas que o grande inimigo da nação hoje é o Aedes Aegypti?
Não estou questionando a gravidade do momento. Não estou questionando a importância que deve ser dada à prevenção, ao combate ao mosquito, muito menos o sofrimento das mães das crianças que nasceram com microencefalia. Mas algo nesta história está sendo utilizado como meio de dominação. Sim, estamos sofrendo uma massificação diária. Estamos com medo. Estamos comprando repelentes como loucos, procuramos focos em todas as partes da nossa casa. Mas e o que tem sido feito pelo governo?
Num noticiário matinal, passou uma matéria sobre o investimento em pesquisas. De hoje até 2021 o Governo pretende contribuir com 10 milhões de reais com pesquisas conjuntas com os EUA para desenvolvimento de vacina contra a Zika. O Ministério da Saúde afirma que em 2015 foram liberados R$ 1,25 Bilhão para Estados e Municípios atuarem no combate à dengue (exames, fiscalização, conscientização, etc.).
Entendem que algo não está certo nesta conta? Entendem que algo não está dentro da lógica? Entendem que não faz o mínimo sentido o governo gastar mais dinheiro mandando-nos virar pratinhos e tampar caixas d´água do que em pesquisas para uma vacina?

Enquanto isso, vamos assistindo diariamente os nossos “Dois minutos do ódio” à brasileira e ouvindo 50 vezes a mesma coisa. Quem sabe assim nossa crença no “Big Brother” e nas suas recomendações não nos salve desta epidemia.  




DICAS DE LEITURA:

1984 - George Orwell
Admirável Mundo Novo - Aldous Huxley
Laranja Mecânica - Anthony Burgess

Comentários

Postagens mais visitadas